Dicas

3 Dicas para colocar em prática pela manhã que podem melhorar a sua disposição durante todo o dia.

Imagem dio post 3 Dicas para colocar em prática pela manhã que podem melhorar a sua disposição durante todo o dia.

Está com falta de energia e disposição? O que fazer então para se sentir mais apto e com a força necessária para realizar suas atividades diárias e também encontrar tempo para seus prazeres? Confira cinco dicas de como melhorar a disposição!

Como melhorar a disposição? 5 dicas

1. Faça atividades físicas

Nada como começar nossa lista do que é bom para dar energia e disposição com a atividade física, não é verdade? Mas de que forma os exercícios contribuem para nosso bem-estar e qualidade de vida?

Os primeiros estudos sobre o tema datam da década de 70 e mostraram a importância da realização de exercícios aeróbicos para o tratamento de transtornos psicológicos, como a depressão e a ansiedade.

Além disso, desde essa época já se vêm comprovando os benefícios da prática das atividades para as funções cognitivas, os transtornos de humor e o sono. ¹

A prática rotineira de exercícios, por exemplo, afeta diretamente o ciclo de produção hormonal. Ele é benéfico para a liberação de melatonina, o que ajuda a regularizar o sono.¹

Como acordar com disposição e por que a prática de atividade física é importante para isso?

Segundo os pesquisadores O’Connor e Youngstedt, o sono das pessoas ativas tem mais qualidade que o das inativas, a partir do princípio de que uma boa noite de sono diminui o cansaço para o dia seguinte e propicia mais energia e disposição. ¹

Por fim, a prática de atividade física está diretamente relacionada com a diminuição da gordura corporal e liberação da serotonina, o que contribui para a sensação de bem-estar, melhoria do humor e, consequentemente, da disposição para as tarefas diárias. ¹

2. Organize-se para um sono de qualidade

Já falamos no tópico anterior sobre atividade física e da relação desta com o sono, além da importância de uma noite bem dormida para a disposição e bem-estar de qualquer pessoa no dia a dia.

Outras pesquisas aparecem para reforçar essa tese não só quanto à disposição, mas também da relevância do sono para diminuição de incidência de doenças, como:

  • síndrome metabólica;
  • diabetes;
  • hipertensão;
  • doença coronariana;
  • e depressão²

Quanto à qualidade de vida, noites mal dormidas prejudicam excessivamente a vida pessoal do indivíduo, gerando impactos socioeconômicos relevantes, como baixo desempenho profissional, acidentes e prejuízos diários em relações afetivas, profissionais e na performance como um todo. ²

Como melhor a disposição a partir do sono?

Primeiramente, é importante ajustar suas horas de sono de acordo com sua rotina. Que horas você precisa acordar para o trabalho, para a faculdade ou para exercer outras obrigações? Qual o horário ideal para deitar e ter uma noite de sono restauradora que te deixe apto para suas funções no dia seguinte?

Segundo a Sleep Foundation, o tempo médio da noite ideal de sono para pessoas a partir de 18 anos é de sete a nove horas.³

Lembre-se também de que a prática de exercícios físicos, como já demonstramos, também está estreitamente ligada a uma boa noite de sono. E quando ambas estão combinadas, elas transformam-se em um ótimo recurso de como melhorar a disposição. ¹

3. Beba água

A água compõe cerca de 45 a 75% de nossa massa corporal e, dentre as suas funções mais importantes para melhorar a disposição, estão o auxílio à regulação da temperatura corporal e o transporte de sangue e nutrientes por todo nosso organismo.4

Ela pode ser ingerida tanto de forma direta como indireta, a partir da ingestão de alimentos que possuem bastante água em sua composição.

O fato é que nosso corpo precisa ser constantemente reidratado para repor a quantidade perdida para a execução das funções do nosso organismo. O consumo de água diário indicado para adultos varia de dois a cinco litros.4

Dentre os sintomas de desidratação, podemos enumerar:

  • boca seca;
  • fadiga;
  • tontura;
  • indisposição;
  • e desatenção.4

Para se ter uma ideia, uma perda de 2% de fluídos em relação à massa corporal do indivíduo já é o suficiente para aumentar consideravelmente os níveis de indisposição e desatenção.4

4. Faça uma reeducação alimentar

Uma reeducação alimentar em prol de uma dieta equilibrada e rica em micro e macronutrientes é essencial para o bom funcionamento do nosso organismo e, consequentemente, para a manutenção da nossa disposição e bem-estar.5

Por que o nosso corpo precisa de energia e qual o papel da alimentação nesse processo?

Além de repositores químicos e biológicos, os alimentos também são importantes fontes de energia para que tenhamos mais aptidão para exercer nossas atividades cotidianas e continuemos saudáveis.5

Além do prazer de comer algo saboroso, uma alimentação balanceada também está ligada ao nosso bem-estar psicológico e saúde mental, pois há nutrientes específicos adquiridos nos alimentos que ajudam no bom funcionamento cerebral.

Esse é o caso, por exemplo, das vitaminas do complexo B e do triptofano, que agem na formação de neurotransmissores.6

Dessa forma, uma alimentação com variedade de carboidratos, proteínas, gorduras e micronutrientes também é um fator que precisa estar associado a outros exemplos que vimos até aqui, como o sono, prática de exercício físicos e ingestão de água.5

5. Tenha tempo para relaxamento

Você sabia, por exemplo, que a Síndrome do Intestino Irritável, quadro clínico tão comum, pode estar diretamente relacionada ao estresse? Esse distúrbio pode causar diarreia, constipação e dor na barriga, o que intensifica o desconforto e agrava o prejuízo na qualidade de vida do paciente.7

Mas ainda bem que existem medicamentos antiespasmódicos extremamente eficazes para o alívio desses tipos de dores no abdome, como é o caso do Buscopan da caixinha verde.

Esse produto age diretamente contra os espasmos do trato gastrointestinal, promovendo relaxamento das fibras musculares e controle das dores e desconforto.8

Entretanto, para além do controle das dores de barriga e de outras consequências provenientes do estresse e indisposição, é preciso combater esses problemas na raiz.

E, além das quatro dicas que já listamos sobre como melhorar a disposição, é importante controlar o estresse, por meio do relaxamento, descanso ou por atividades meditativas, como o yoga ou o mindfullness. 9

Lembre-se de que o bem-estar físico não está só ligado à ausência de doenças, mas também ao psicológico e à rotina do paciente.

Por isso, tempo para descanso, relações afetivas, e atividades prazerosas são também essenciais para todos, assim como as obrigações. E, de maneira geral, o estresse excessivo pode ser consequência direta dessas carências, interferindo na energia e disposição.9

1. Túlio De Mello M, Aurélia Boscolo R, Esteves A, Tufik S, De Revisão A. Endereço para correspondência: O exercício físico e os aspectos psicobiológicos. Rev Bras Med Esporte [Internet]. 2005;11. Available from: https://www.scielo.br/j/rbme/a/nmsrxHqN5yFqTv8GLdYLM6n/?format=pdf&lang=pt2. Barros MB de A, Lima MG, Ceolim MF, Zancanella E, Cardoso TAM de O. Quality of sleep, health and well-being in a population-based study. Revista de Saúde Pública. 2019 Sep 27;53:82.3. Barros MB de A, Lima MG, Ceolim MF, Zancanella E, Cardoso TAM de O. Quality of sleep, health and well-being in a population-based study. Revista de Saúde Pública. 2019 Sep 27;53:82.4. Azevedo P, Welson F, Pereira L, Rupp De Paiva S. Água, Hidratação e Saúde [Internet]. Available from: http://sban.cloudpainel.com.br/source/Agua-HidrataAAo-e-SaAde_Nestle_.pdf5. Sebastion J, Dantas A. INFLUÊNCIA DOS ALIMENTOS NA QUALIDADE DE VIDA SOB O PONTO DE VISTA BIOSSOCIAL FOOD INFLUENCES IN THE QUALITY OF LIFE UNDER THE BIO-SOCIAL VIEWPOINT [Internet]. Available from: https://semanaacademica.org.br/system/files/artigos/influencia_dos_alimentos_na_qualidade_de_vida_sob_o_ponto_de_vista_biossocial.pdf6. Natacci. L. Alimentação tem impacto importante na saúde mental | Alimente-se [Internet]. Veja Saúde. Available from: https://saude.abril.com.br/coluna/alimente-se/alimentacao-tem-impacto-importante-na-saude-mental/7. Medeiros L, Alves N, Aparecida Da Silva-Fonseca V, Silva De Aguiar Nemer A. Influência da resposta individual ao estresse e das comorbidades psiquiátricas na síndrome do intestino irritável Influence of individual response to stress and psychiatric comorbidity in irritable bowel syndrome [Internet]. 2010. Available from: https://www.scielo.br/j/rpc/a/WMyvnLSqVkFjTkBZb6s8nBM/?format=pdf&lang=pt8. Bula do Produto Buscopan® | Buscopan [Internet]. www.buscopan.com.br. Available from: https://www.buscopan.com.br/produtos/buscopan9. Sadir MA, Bignotto MM, Lipp MEN. Stress e qualidade de vida: influência de algumas variáveis pessoais. Paidéia (Ribeirão Preto) [Internet]. 2010;20(45):73–81. Available from: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-863X2010000100010